Resenha: Mamãe está com câncer

by - 11:19


 Mamãe está com câncer é uma história em quadrinhos pensada e criada por meio de uma história real. Desenhada como forma de registro de um filho que acompanhou de perto a luta de sua mãe contra um câncer agressivo. Conheça essa graphic novel sensível e essencial! 

"Para enfrentar a batalha do câncer de sua mãe, Brian Fies resolveu compartilhar todos os seus questionamentos e emoções em uma história em quadrinhos. Mamãe Está com Câncer surgiu, inicialmente, no formato digital, maneira que Fies encontrou para lidar com a situação aflitiva da mãe e toda a angústia da descoberta em família. O resultado alcançado pelo desenhista, no entanto, foi mais que um desabafo pessoal.

A partir de sua proposta corajosa de colocar no quadrinho as dúvidas, os sentimentos e a verdade de um momento tão difícil, Fies conseguiu criar um ambiente que abre espaço para a empatia. É a história da Mamãe, do narrador e de suas irmãs, mas, ao mesmo tempo, a história de todos que se preocupam com alguém que amam."


FICHA TÉCNICA
Título: Mamãe está com câncer
Autor: Brian Fies
Ano: 2020
Páginas: 128
Idioma: Português
Editora: DarkSide Books
Nota: 5 
Compre: Amazon 
Comprando por esse link você ajuda e incentiva o Nostalgia Cinza
LIVRO CEDIDO EM PARCERIA COM A EDITORA


 Mamãe está com câncer é um exemplo de uma tendência que vem crescendo na internet e vem ajudando a transformar a forma de encontrar novas histórias em quadrinhos. Essa graphic novel surgiu como uma webcomic publicada anonimamente e que conquistou leitores on-line, fora do sistema convencional dos quadrinhos. 


Brian Fies idealizou a graphic novel  Mamãe está com câncer porque, segundo ele: “queria que alguém o tivesse criado pra mim”. Os quadrinhos de Fies retratam a realidade bem específica de sua família e sua luta contra o câncer de pulmão metastático de sua mãe, mas a sensibilidade do tema e a honestidade na qual ele foi abordado fez com que pessoas de toda parte do mundo pudessem se identificar, de alguma forma. Infelizmente. 

O câncer é uma das principais causas de morte no mundo, sendo responsável por cerca de 9,6 milhões de mortes em 2018, segundo a Organização Pan-Americana de Saúde e a Organização Mundial da Saúde.  A nível global, isso significa que uma em cada seis mortes são relacionadas à doença.


 Mamãe está com câncer acompanha a vida de uma família desde o diagnóstico do câncer em estágio quatro da mãe, até os desdobramentos diários da rotina de lidar com a doença, seus tratamentos, medos e transformações. A HQ é uma verdadeira aula de empatia para com as pessoas que são diagnosticaras com a doença e para os familiares que formaram uma rede de apoio para o paciente.


Brian Fies afirma que, quando começou a trabalhar na história de  Mamãe está com câncer, não fazia ideia de como ela terminaria. E isso é extremamente tocante e pode ser percebido na forma como o artista traz o relato.  Mamãe está com câncer funciona como um diário sincero e comovente de uma história que, infelizmente, poderia ser a de qualquer um de nós. A doença que antes parecia alienígena, de tão distante e incompreensível, se torna um entendimento comum entre os familiares e se apresenta como uma presença constante. 

Brian Fies sabe usar muito bem o seu talento para se expressar além das palavras. Seu texto é sincero, provocador e sensível, e contribui enormemente para o impacto da história, entretanto, é por meio das ilustrações que as mensagens mais fortes são passadas para o leitor. Brian Fies brinca com as cores, usando-as apenas em momentos específicos e experimentando tonalidades de acordo com o tempo e a intenção. É impressionante como essa estratégia, mesmo que simples, consegue fazer o leitor se sentir tão imerso em toda a atmosfera da graphic novel, do início ao fim. 


 Mamãe está com câncer traz um relato tão honesto e verdadeiro que é difícil manose identificar com pelo menos algum dos personagens e sua forma de lidar com o processo de descoberta e tratamento do câncer de sua mãe. 

O processo de criação foi um processo terapêutico para o autor e pode ser também para o leitor. Ver-se nas páginas de um livro diminui o sentimento de solidão e desamparo porque tem-se a certeza de que mais pessoas estão passando por algo semelhante e sobrevivendo. À doença. Aos medos. À angústia. Ao processo.  Mamãe está com câncer levanta a importância de se precaver de todas as formas possíveis, ao mesmo tempo em que serve como divã. A graphic novel impacta, informa e acolhe. E não é isso que a literatura faz de melhor? 


Copio e colo aqui as referências de instituições relacionadas ao câncer no Brasil, que se encontram na última página da edição brasileira do livro:

  • Associação Brasileira de Linfoma e Leucemia (Abrale) | abrale.org.br
  • Federação Brasileira de Instituições Filantrópicas de Apoio à Saúde da Mama (Femama) | femama.org.br
  • Instituto Oncoguia | oncoguia.org.br
  • Instituto Vencer o Câncer | vencerocancer.org.br
  • Mulher Consciente | mulherconsciente.com.br
  • Rede Feminina Nacional de Combate ao Câncer (RFNCC) | redefemininanacional.org.br
  • Todos Juntos Contra o Câncer (TJCC) | tjcc.com.br


Participe do grupo exclusivo no Telegram para ter acesso a conteúdos exclusivos sobre o mercado editorial, literatura e ainda fica à par dos lançamentos mais aguardados ♥

You May Also Like

1 comentários

  1. A maneira q tu escreve, comenta e opnina, me faz querer ir correndo ler o livro msm q n seja de um dos meus generos favoritos

    ResponderExcluir